segunda-feira, 1 de março de 2010

"O RIO DE JANEIRO CONTINUA LINDO!"




"...ESSE SAMBA É SÓ PORQUE,
RIO, EU GOSTO DE VOCÊ!!!"


Desde que me entendo por gente, sempre tive uma vontade enorme de conhecer o Rio de Janeiro!
Não sei se por sempre ouvir muito falar ou muito ver na televisão...
Me lembro, de muita pequena, talvez com 5 ou 6 anos, dizer:
"Mãe, vamos morar no Rio???"
Ela simplesmente ria e deveria pensar 'De onde essa menina tira essas coisas?'
Não tinha parentes ou amigos por lá, e como minha família não nadava em dinheiro, nunca tive oportunidade de passar umas férias por lá!
Até que...
Depois de uma viagem à Porto Seguro, na Bahia e conhecer uma família inteira de cariocas super do bem: mamãe Sayuri,vovó Maria e filhos, Christopher e Beatriz,(sem contar um amigo, Dudu), apareceu a oportunidade de ir até lá com 2 amigas.
Numa época em que a violência no Rio e o surto de dengue eram as mais constantes notícias de jornal, desembarquei na cidade maravilhosa!
Os 3 dias que estive por lá, foram cinzentos, sem aquele sol maravilhoso que se derrama nas imagens dos cartões postais!!!
Mas mesmo assim, a paixão só fez crescer...
Cada imagem pela janela do carro, se transformava em poesia diante dos meus olhos.
Era a confirmação de tudo que eu sempre quis ver...
A subida ao bondinho do Pão de Açucar, a estátua do Carlos Drumond de Andrade em um banco em plena praia, o piso preto e branco de Copacabana, a Lagoa Rodrigo de Freitas, a beleza da Floresta da Tijuca, a asa-delta saindo lá da Pedra da Gávea, o centro da cidade (tão parecido com São Paulo), a Vista Chinesa (um dos lugares mais lindos que já vi), fora as praias...Ahhhh, as praias...
A Prainha, Copacabana, Ipanema, Barra da Tijuca e a liiiiiiiiiiiiiiinda Joatinga!
Até a favela da Rocinha chega a ser uma vista bastante curiosa, misturada á paisagem.
Confesso que não visitei o Cristo...snif! Só de longe!
Dizem que ir ao Rio e não ver o Cristo é o mesmo que ir á Roma e não ver o Papa! Snif!
Como disse antes, o dias estavam cinzentos e nos disseram que isso iria atrapalhar o nosso passeio por lá.
Mas tudo bem! Não ver o Cristo Redentor foi a desculpa PERFEITA para voltar.
O que ainda não aconteceu! Acontecerá! Ainda não sei quando!
Quero ver o Cristo de perto (parodiando a cantora Ana Carolina, isso é uma promessa que me fiz e ainda não cumpri), ver o Maracanã, dar uma volta a pé pela Lagoa, comer outro petit gateau no Balada Mix, ir aos Arcos da Lapa, visitar o Teatro Municipal e pular de asa delta lá da Pedra da Gávea...
E hoje, no aniversário dessa cidade da qual eu sou fã incondicional (e da qual serei moradora no futuro!), aproveito para dizer que o Rio, para mim, é muito mais do que dengue, muito mais do que Bope, muito mais do que Globo, muito mais do que Comando Vermelho, muito mais do que balas perdidas...
Para mim, a presença de Deus é mais que evidente naquela cidade! Ela se derrama na natureza, nas cachoeiras, nas praias, no asfalto incrustado no meio daquela natureza exuberante, na alegria e na leveza do carioca...
Pra mim, parece uma pintura do Monet (que eu tanto amoooo!!)...
Enfim, o Rio é um dos mais belos quadros que o Criador fez !!!
O novo Éden!
E não me venham falar de balas perdidas de novo...
Se até no Jardim do Éden, que era controlado por Deus, teve pecado, o Rio, que é comandado por um político, deve receber um desconto...kkkkkk!
Parabéns, cidade dos meus sonhos!!!
Me aguarde que um dia, eu tô chegando de mala e cuia!!! Hihihi!!!

Declaração de amor de uma paulista que é carioca de coração. Desde criancinha!!!

2 comentários:

Viagem Afora disse...

Que lugar único e grandioso !!!
Também somos Paulistas que amam o Rio ! Bjs

a_rosa disse...

oh que bonito! apreciei muito seu texto, até por que eu sou carioca e concordo com você em tudo. È uma cidade maravilhosa sim, apesar dos pesares!

seja sempre bemvinda!